terça-feira, 20 de julho de 2010

O PERIGO DE DEIXAR O SEU E-MAIL À MOSTRA

MUITO IMPORTANTE, VALE A PENA LER COM  ATENÇÃO O TEXTO ABAIXO. É DE INTERESSE DE TODOS QUE USAMOS A INTERNET COM RESPONSABILIDADE!

CUIDADO
O que há por trás das mensagens, por exemplo, de crianças desaparecidas!
NÃO repassem qualquer e-mail de pedido, promoção, protestos ou acusações sem antes verificar a veracidade das informações apresentadas.
Uma pessoa recebeu o e-mail abaixo transcrito, logo depois de redirecionar um comovente e-mail com uma foto de uma criança desaparecida e repassar para vários amigos.
"Esse telefone não é de Niterói. Se você ligar direto, sem usar o DDD, a ligação não completa. Se usar o código 21, também não completa."
Esses e-mails bem apelativos. São criados por pessoas inescrupulosas para conseguir algo muito valioso para eles: o seu, o nosso endereço de e-mail.
Qual candidato a deputado, dono de joalheria, diretor de banco, financeira etc, que não quer oferecer seus produtos ou “vender o seu peixe”, sem qualquer custo, para uma clientela seleta dessas.
Daí quando se redireciona mensagens, alguém depois recolhe esses endereços, deleta os @ig da vida e vende os endereços, por uma nota, para os clientes acima.
Circulou uma vez uma mensagem do banco Santander, que estaria recrutando pessoas com deficiência física para trabalhar. Com certeza, muitos ficaram sensibilizados, mas quando verificado no site do banco, simplesmente um "pop-up" desmentia a notícia...
Escrever um e-mail ou enviar qualquer coisa pela Internet é fácil...
NÃO acredite em tudo que é recebido pela internet!
Observe o texto, reflita, analise tudo isto antes de repassar aos amigos. Quando recebemos mensagens pedindo ajuda para alguém, com alguma foto comovente, não repasse apenas "para fazer a sua parte". Pode haver alguém cheio de más intenções, por trás deste e-mail.
Sempre verifique a veracidade das informações.
Não tenha receio de NÃO repassar a mensagem, caso não queira ou não tenha condições financeiras de confirmar sua veracidade (há custo de interurbanos, etc)! Ninguém é obrigado a ajudar ninguém, principalmente quando não se sabe se a mensagem é verdadeira. Óbvio que não precisamos ser tão radicais, afinal, solidariedade é um ato divino que devemos exercer. Há sempre alguém carente que podemos tomar conhecimento e analisar uma melhor maneira de ajudá-los.
Cuidado! Muito cuidado com mensagens-lista de dados de pessoas, que a cada um vai assinando, colocando seus endereços e telefones reais, repassando... Podem facilmente serem utilizados por assaltantes, seqüestradores, etc.
E AGORA O MAIS, MUITO MAIS, IMPORTANTE: Quando redirecionarem uma mensagem, RETIREM OS NOMES E E-MAILS DAS PESSOAS POR ONDE A MENSAGEM JÁ PASSOU.
Existem programas rodando na Internet para pegar "tudo que tiver antes e depois de um @". O resultado disto é vendido para "spammers" que, muitas vezes, espalham vírus! Quando for mandar uma mensagem para mais de uma pessoa, NÃO UTILIZE A LINHA "PARA" NEM A LINHA "CC".
ENVIE, sempre , COM O "CCO" (CÓPIA CARBONO OCULTA) OU "BBC" (BLIND COPY), sendo que então nunca aparecerá o endereço eletrônico de nenhum destinatário. Quando todos fizerem isso, livraremos a Internet de 80% dos vírus!
Caso não souber utilizar o recurso de CCO (Cópia Carbono Oculta), procure se informar com seus colegas ou com o contato de suporte de seu provedor.
Relembrando:
1º.    Nunca acredite em tudo que vier a saber através da Internet.
2º.    Sempre verifique a veracidades das informações quando receber alguma notificação pela Internet.
Essas duas regrinhas básicas valem também para situações cotidianas, fora da Internet. Acusações, declarações, visões, testemunhos, afirmações e etc, devem ser recebidos com muito cuidado.

RXSIPP - 2010